Certificação RTRS (Round Table Responsabile Soybean)

Buscando a contínua adequação e atualização com referência às demandas do mercado e aos impactos previstos para os produtores / empresários rurais, a PGP CONSULT, após um processo de qualificação do seu corpo técnico, passa a disponibilizar a seus clientes serviços de consultoria e assessoria para a obtenção da Certificação RTRS – Round Table Responsabile Soybean.
A produção de alimentos sustentáveis já não é mais uma tendência e, cada vez mais, os países importadores, estão exigindo alimentos que tenham sido produzidos dentro de critérios de sustentabilidade previamente definidos. Neste caso (certificação RTRS) estamos nos referindo aos critérios / requisitos de sustentabilidade na própria fazenda e ao processo de gestão e produção da soja (plantio – tratos culturais – colheita – armazenamento – transporte e administração) na empresa rural / fazenda.

O que é a RTRS
A  Associação  Internacional  de  Soja  Responsável  (RTRS)  é  uma  plataforma global, criada no ano de 2006, formada pelos principais interessados na cadeia de valor da  soja (“stakeholders”)  com  o  objetivo  comum  de  promover  a  produção  de  soja responsável através da colaboração e do diálogo aberto com os setores envolvidos para conseguir  que  seja  economicamente  viável,  socialmente  benéfica  e  ambientalmente apropriada.
A Associação foi fundada na Suíça, e a Secretaria Executiva tem sua base em Buenos Aires, Argentina. 
A  Associação  Internacional  de  Soja  Responsável  traçou  os  seguintes objetivos: 
 
1.    Facilitar o diálogo global sobre soja economicamente viável, socialmente justa e ambientalmente correta. 
2.    Obter  consenso  entre  as  principais  partes  interessadas  e  os  atores  ligados  à indústria da soja. 
3.    Servir como fórum para desenvolver e incentivar um padrão de sustentabilidade para a produção, o processamento, a comercialização e o uso da soja. 
4.    Funcionar como fórum reconhecido internacionalmente para o monitoramento da produção global da soja em termos de sustentabilidade.
5.    Mobilizar  diversos  setores  interessados  em  participar  do  processo  da associação. 
 
A RTRS é composta por dois tipos de membros:  Membros Participantes e  Membros Observadores. 
Todos os atores da cadeia de valor da soja ou da sociedade civil que trabalham  em temas relacionados devem solicitar a admissão como Membros Participantes em um dos grupos abaixo: 
•     Produtores 
•    Indústria, Comércio e Finanças  
•    Organizações da Sociedade Civil 
 
Só as pessoas físicas ou as organizações como autoridades reguladoras, agências governamentais, empresas de consultoria e de auditoria, de âmbito acadêmico e organizações doadoras que não pertencem a nenhum dos três grupos, podem solicitar a admissão como Membros Observadores.
  Como resultado do esforço de produtores, atores da indústria e da sociedade civil envolvidos na cadeia de valor da soja, foi desenvolvido o Padrão RTRS que se baseia em 5 princípios: 
 
•    Princípio 1: Conformidade Legal e Boas Práticas de Negócio; 
•    Princípio 2: Condições de Trabalho Responsável; 
•    Princípio 3: Relação Responsável com as Comunidades; 
•    Princípio 4: Responsabilidade Ambiental; 
•    Princípio 5: Boas Práticas Agrícolas. 
 
Maiores detalhes podem ser obtidos diretamente através do site da RTRS http://www.responsiblesoy.org/about-rtrs/about-us/?lang=pt

Endereço:

Rua Vereador Alfeu Gasparini 136 - Central Park – Batatais – SP - CEP 14300-000


Fones:

(16) 3761-6869

(16) 997107997


E-mail:

contato@pgpconsultoria.com.br

Fale conosco